O que eu aprendi com a ansiedade?

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

O que eu aprendi com a ansiedade? Há inúmeras coisas ruins que acontecem quando nos tornamos pessoas ansiosas e eu poderia descrever todas elas aqui neste post. Mas a maioria das pessoas já sabem pelo menos metade das coisas ruins que acontecem. Hoje, uma média de 80% das pessoas sofrem dessa síndrome do pensamento acelerado e algumas nem sabem como isso está ligado à ansiedade. Eu vou explicar o porquê enquanto digo o que eu aprendi com ela. Durante um bom tempo da minha vida eu não soube que era ansiedade também, até aprender que eu tinha que ser mais presente. Isso mesmo, estar presente em todos os momentos da minha vida. Muitas vezes eu estive apenas com o corpo no lugar e a cabeça longe, não por estar pensando em outra coisa não. Simplesmente por estar tomada pela ansiedade. Pelo que eu lembro não vinha nada na mente. Eu aprendi a firmar bem os pés no chão, sentir isso, de fato, cada vez que isso acontecesse, ou cada vez que eu me sentia diferente, eu parava por segundos e percebia o toque dos meus pés no chão e olhava tudo o que estava ao meu redor para entender o que me deixava daquele jeito. Isso também me deixou uma pessoa mais observadora. Eu aprendi também a refletir mais sem me julgar tanto. A cada erro bobo que eu dei na vida passava noites e noites com uma sensação ruim como se o mundo tivesse acabado, e eu acabava com o meu emocional um pouquinho mais a cada dia que passava. Enquanto isso, o mundo ao meu redor continuava exatamente o mesmo! Simplesmente porque todo mundo erra e muitos erros que a gente acredita ser erro, não é pra muita gente! Isso só faz parte de crenças e medos que foram implantados em você. Acabe com seus medos, acabe com o medo de viver! Viver é maravilhoso, vai por mim, eu aprendi isso de uma forma não tão fácil, mas hoje digo isso facilmente! Viver é lindo! Aprendi a refletir o que é certo e o que é errado. O que é certo e errado pra você e o que é certo e errado pra mim podem ser coisas totalmente contrárias, entende? Esqueça o certo e errado! Se divirta mais e tenha empatia pelo próximo, se tiver empatia tudo fica bem! […] continua nos comentários

Uma publicação compartilhada por Julia Druziani (@judruziani) em

[..continuação]

Aprendi a ler e estudar muito sobre a mente humana, sobre o que fazemos de nossas vidas, sobre ir atrás dos nossos sonhos ou ir atrás do que os outros falam. Tudo é uma escolha. Consciente ou não, é uma escolha.
Aprendi a entender que nada é por acaso, tudo o que eu vivi até hoje teve um motivo pra ser, tudo o que eu fiz e recebi me fez ter outra visão da vida. Uma visão muito mais clara, muito mais lúcida. Se eu não tivesse passado por tudo o que passei por conta da própria ansiedade eu não seria quem sou hoje.
Uma pessoa mais decidida, que vai atrás dos próprios sonhos, que acredita verdadeiramente no Universo e em tudo o que ele pode nos trazer.

Aprendi a me alimentar melhor e a cuidar melhor do meu corpo e minha saúde. A alimentação é uma das maiores causas da ansiedade. Já parou pra pensar o quanto de açúcar a gente ingere comendo tantos produtos industrializados não saudáveis? Aprendi até a ler a lista de ingredientes dos produtos! Rs. Você sabia que o primeiro ingrediente que aparece é o que tem em maior quantidade naquele produto? E muitas vezes é o açúcar? Quanto mais a gente consome açúcar, mais queremos consumir. Já está comprovado que vicia e que nos faz ficarmos mais ansiosos ainda. Então cuidar da alimentação é essencial para uma vida mais saudável.

Acredito que falei a maioria das coisas que eu aprendi aqui. Hoje eu não estou zerada ainda mas eu sigo aprendendo sobre para cada vez mais melhorar a minha qualidade de vida. Vocês que também passam ou passaram por isso, o que vocês têm aprendido? Vamos mudar nosso mundo juntos.♥️

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *